#copiright

11 de outubro de 2014

Entrevista com Felipe Machado sobre "Twilight of the Gods"


Mal saiu a capa do single do BG, e nós do Blind Guardian Brasil já entrevistamos o mestre por trás das ultimas capas dos álbuns do BG, Felipe Machado, acompanhem a entrevista com o mesmo.




BGB: A capa é deslumbrante! Sinto que algo realmente muito bom e muito especial está por vir! E também sinto que as capas de “Twlight of the Gods”, “A traveler’s guide to space and time” e “Memories of a time to come” estão ligadas de alguma forma. Confere?
Felipe: Obrigado!! Sim, elas são feitas pelo mesmo cara J uma coisa que eu sempre tenho em mente quando embarco em qualquer projeto relacionado ao BG é visualmente fazer o meu melhor para retratar o forte significado da atual mitologia Guardian, o mundo em que ela vive.

BGB: Desde quando você vem trabalhando nesse projeto?
Felipe: Há algumas semanas ou um mês, eu acho. Embora Hansi me dê algumas ideias de tempos em tempos no intervalo dos álbuns.  Estou agora no meio da criação de muitos outros trabalhos para as diferentes edições que o álbum terá.

BGB: Qual é o significado da capa?
Felipe: Neste momento não tenho a liberdade de dar informações sobre o álbum, mas uma vez que a capa e as músicas aparecerem, várias outras coisas da capa do single vão vir à tona. Alguns elementos vão fazer sentido e serão conectados com outras coisas, soa misterioso, né?

BGB: Quais detalhes a banda te pediu para criar?
Felipe: Eu normalmente retransmito o alcance narrativo das direções de Hansi e da banda, eu começo a compor diferentes opções e depois nós temos material suficiente para tomar decisões e fazer mudanças. Há uma história muito legal relacionada com título do single que fará sentido com a atual música.

BGB: Há outra capa em andamento que você pode adiantar para nós?
Felipe: Sim, pelo menos 20 a 25 a mais, incluindo talvez duas opções diferentes que vão passar por uma rigorosa direção de arte da banda e depois para os diferentes formatos de CD. Esse álbum vai ficar na história J

BGB: Qual é a sensação de trabalhar com os bardos?
Felipe: Como fumar cachimbo ao lado de Gandalf enquanto vejo como os Ainur cantando pela primeira vez.

BGB: Essa frase final foi excelente, ahahaha! Essa entrevista só fez aumentar nossa curiosidade e animação! Brace yourselves, a nossa banda preferida está de volta com um material mais que especial para nós! Agora é só aguardar.

BARDS WE ARE! BARDS WE WILL BE!

Follow The Guardians! 

Entrevista feita por: Virgílio Mirkoski e Mirella Fernandes

Comentários
0 Comentários

0 Bardos comentáram, comente!:

Postar um comentário

Faça um colaborador feliz, comente: