#copiright

8 de fevereiro de 2012

Marcus fala sobre o disco orquestrado!

Em entrevista a Roadie Crew do mês de fevereiro, Marcus Siepen faz comentários sobre o disco orquestrado da banda. Confiram:

RC - Falando sobre o disco orquestral de vocês, ele já consumiu mais de dez anos de trabalho. Em que fase ele se encontra? E o que você realmente acha disso?
Marcus: Em relação à fase em que ele se encontra, acho que está mais ou menos no meio... Falando sério, a ideia surgiu em meados dos anos 90 e o processo está realmente muito, muito lento. Um dos problemas foi encontrar a orquestra certa para fazer trabalho, que acabou senda a mesma que tocou no nosso último disco de estúdio, a Orquestra Sinfônica de Praga. Chegamos a gravar algumas músicas, depois que definimos a orquestra o processo começou a andar mais rápido. Eu acredito que poderemos lançar o disco em pouco tempo. Mas eu não queria fixar uma data para isso, é muito difícil tentar prever isso. Sobre a minha opinião pessoal a respeito, acho que os fãs vão gostar, porque serão as músicas do Blind Guardian em outro formato. Os arranjos vão ser os mesmos, as melodias vão ser as mesmas, só não vai ter a banda tocando. Vai ser Hansi cantando e uma orquestra acompanhando, sem guitarra, baixo e bateria. Em minha opinião, está ficando ótimo.

RC - A ideia de fazer um disco assim foi de toda a banda ou era um desejo de Hansi?
Marcus: Toda a banda participou da decisão. Não foi o caso de Hansi chegar para nós e falar? "Olha eu quero fazer um disco com uma orquestra e sem vocês.". Não, nada disso. Tanto que quem teve a ideia foi André, que um dia comentou que seria interessante experimentar adaptar nossas músicas para o formato de orquestra. Nós adoramos a proposta dele e foi aí que surgiu o nosso disco Clássico. Todos na banda abraçaram a ideia, então, não é coisa de um único músico, nem um projeto solo. Nós chegamos a cogitar também fazeras mesmas adaptações das músicas incluindo a banda, para podermos apresentar esse trabalho ao vivo. Seria um projeto muito ambicioso e nada fácil de se viabilizar, mar é um desafio que gostaríamos de abraçar. Só que, no momento, é só um plano, e não há nada de concreto nesse sentido.

RC - Será que poderíamos dizer que esse será o próximo disco do Blind Guardian?
Marcus: Acho um pouco difícil garantir isso neste momento. Talvez ele venha depois do nosso próximo disco de estúdio - um disco de Heavy Metal, nos padrões normais. Vai depender de quão rápido ele se desenvolver. No momento, estamos juntando ideias para começar a compor nosso próximo disco de estúdio. Então, ainda não queremos dar prioridade para o trabalho com orquestra.

Fonte: Revista Roadie Crew, nº 157.

Comentários
1 Comentários

1 Bardos comentáram, comente!:

Eu aqui, todo ansioso para ouvir o aclamado trabalho e eles falam que não querem dar prioridade...Aí daqui 2 semanas eles falam que está quase pronto!rs. Tá, já nos acostumamos com isso.

Postar um comentário

Faça um colaborador feliz, comente: